Divulgando oportunidades educacionais desde 08.02.2008

Seguidores do Só Cursos Grátis


Pesquisa personalizada

Siga por email

.

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

560 vagas são ofertadas para cursos técnicos a distância

Há vagas para Automação Industrial, Análises Químicas, Informática para Internet, Controle Ambiental, Edificações, Hospedagem, Metalurgia e Serviços Públicos


E aí, você pensou em fazer um curso técnico, mas não tem como se deslocar todos os dias até um dos câmpus do IFMG? O Centro de Educação Aberta e a Distância (Cead) do Instituto está com inscrições abertas para o Exame de Seleção 2015/1.
Ao todo, são 560 vagas, distribuídas pelos polos de Betim (duas unidades), Ouro Preto (distrito Cachoeira do Campo), Jeceaba, Piumhi e São Gonçalo do Sapucaí. O candidato poderá optar entre os seguintes cursos técnicos subsequentes (para quem já concluiu o ensino médio): Automação Industrial, Análises Químicas, Informática para Internet, Controle Ambiental, Edificações, Hospedagem, Metalurgia e Serviços Públicos.
Como se inscrever!
Gratuitas, as inscrições podem ser feitas de 24 de novembro até às 22h do dia 5 de janeiro de 2015, exclusivamente pelo link: INSCRIÇÕES.
Seleção
A seleção dos candidatos será realizada por meio de um sorteio eletrônico. Tal sorteio ocorrerá na Reitoria do IFMG no dia 7 de janeiro de 2015, das 17h às 21h, e será aberto ao público para acompanhamento.
Cursos por polo
- Betim (Polo de apoio presencial): Automação Industrial, Controle Ambiental, Edificações e Serviços Públicos
- Betim (Câmpus): Análises Químicas e Informática para Internet
- Ouro Preto (Cachoeira do Campo): Hospedagem
- Jeceaba: Metalurgia
- Piumhi: Serviços Públicos
- São Gonçalo do Sapucaí: Hospedagem e Controle Ambiental
Reserva de vagas
São reservadas 50% das vagas aos candidatos que tenham cursado integralmente o ensino fundamental em escolas públicas. Basicamente, os critérios de classificação dentro do sistema são três: o primeiro está ligado ao fato do aluno vir de escolas públicas, o segundo, relacionado à renda familiar per capita e o terceiro, à autodeclaração de cor (ver detalhes no edital).
Contatos
Polo Betim: (31) 3532-7388, das 14 às 21h
Câmpus Betim: (31) 3597-6360, das 14 às 21h
Cachoeira do Campo: (31) 3553-2319 ou 3559-2155, das 8 às 12h e das 14 às 18h
Jeceaba: (31) 3735-1503 ou 3735-1319, das 8 às 11h e das 14 às 20h
Piumhi: (37) 3371-5022 ou 3371-4289, das 19 às 22h
São Gonçalo do Sapucaí: (35) 3241-2475, das 8 às 11h e das 14 às 20h

FONTE: Site CEAD IFMG

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

USP oferece curso grátis sobre Visões do Brasil do Século XIX

A Univesp TV está disponibilizando umcurso grátis online sobre Visões do Brasil. Ele é voltado a graduandos e pós-graduandos interessados nas áreas de artes plásticas, artes visuais, história, design, arquitetura, fotografia, ciências humanas e assuntos correlatos. Também é aberto a todos com formação superior em qualquer área do saber.
Este curso “Visões do Brasil – Século XIX” é apresentado gratuitamente, em forma de videoaulas online, que você pode assistir a hora que quiser. Há ainda a possibilidade de fazer anotações sobre questionamentos, opiniões e dúvidas enquanto assiste o vídeo, e receberá tudo em seu e-mail.
Univesp TV é o canal de comunicação da Universidade Virtual do Estado de São Paulo, a quarta universidade pública paulista e visa ao incentivo à formação integral do cidadão.
O curso
São 08 videoaulas gratuitas do ciclo de conferências “Artes Visuais no Brasil do século XIX”, realizadas pelo Instituto de Estudos Brasileiros da USP em outubro e novembro de 2010 e ministradas cada uma por um docente diferente.
Na primeira aula do curso, por exemplo, a historiadora Lilia Schwarcz traça um retrato singular do pintor francês Nicolas-Antoine Taunay. Nos cinco anos que passou no Brasil a partir de 1816 ele produziu cerca de 30 telas, e em quase todas elas representou a natureza e a escravidão. Taunay representava os escravos brasileiros como pequenas figuras, sempre no primeiro plano das telas, e sempre ocupados com alguma tarefa. Na segunda parte de sua aula a historiadora Lilia Schwarcz mostra que o gosto pelos detalhes aparece também nas obras que ele produziu na França, quando pintava para a corte de Napoleão.
O curso não possui certificação. São apenas aulas online para complementação de estudos e pesquisas. É só acessar o site e começar a estudar.
Conteúdo programático
  • Aula 1: Natureza e escravidão na obra de Taunay, ministrada pela historiadora da USP, Lilia Schwarcz.
  • Aula 2: Artistas viajantes: uma tradução dos trópicos, ministradas por Valéria Lima da Faculdade de Ciências Humanas – Unimep.
  • Aula 3: Primeiras caricaturas, ministradas por Rosangela de Jesus Silva do Instituto de Filosofia de Ciências Humanas – Unicamp.
  • Aula 4: A pintura histórica entre o Império e a República, ministrada por Luciano Migliaccio da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo – USP.
  • Aula 5: Fotografia, testemunho e ficção, ministrada por Vânia Carvalho e Solange Lima do Museu Paulista – USP.
  • Aula 6: Entre o olho e a paisagem existe a cultura, ministrada por Cláudia Valadão do Instituto de Artes – Unicamp.
  • Aula 7: Escultura e memória no Brasil, ministrada por Maria do Carmo Couto da Silva do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas – Unicamp.
  • Aula 8: A história da crítica de arte no Brasil, ministrada por Paula Vermeersch do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas – Unicamp.
O curso sobre “Artes Visuais no Brasil do século XIX” é mais uma dica gratuita que o Canal do Ensino traz para te ajudar a expandir a mente, pensar diferente e aumentar ainda mais seus conhecimentos.
Boas aulas!
FONTE: UNIVESP TV

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

UFRGS e MinC realizam Curso de Extensão em Administração Pública da Cultura

A Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), em convênio com o Ministério da Cultura, lança o Curso de Extensão a Distância gratuito para gestores públicos de cultura, conselheiros de cultura e agentes culturais. 
 
As inscrições serão realizadas exclusivamente pela internet pelo site www.ufrgs.br/admcultura, entre 10 e 30 de dezembro de 2014. Candidatos de todo o Brasil podem se inscrever.
 
Durante o ano de 2015, serão oferecidas quatro turmas com 200 vagas cada. Os períodos de realização de cada turma serão Turma A (5/1/2015 a 31/3/2015); Turma B (1º/4/2015 a 30/6/2015); Turma C (1º/7/2015 a 30/9/2015) e Turma D (1º/10/2015 a 30/12/2015). 
 
O Curso de Administração Pública da Cultura será realizado por meio do Sistema de Ensino a Distância da UFRGS, usando a plataforma Moodle.
 
Os temas abordados no curso serão: "Políticas Públicas e Administração Pública Participativa"; "Cultura e Diversidade – Noções Iniciais"; "Administração Pública Contemporânea"; "Economia da Cultura";  "Planejamento na Cultura"; "Orçamento Público"; "Financiamento da Cultura"; "Governança Pública" e "Equipamentos e Dinâmica Cultural".
 
A carga horária é 63 horas e, com exceção da disciplina sobre EAD, informativa, as demais terão uma apostila e vídeo-aulas, nas quais os conteúdos serão explicados pelo professor e haverá exercícios sobre a apostila.
 
Os estudantes terão também acesso às apresentações que sintetizam os principais conteúdos, além do material de apoio, como artigos e links para vídeos que podem ser usados pelos estudantes para aprofundar temas.
 
Para a obtenção do certificado de realização do curso, o aluno deverá alcançar 60% de acertos nos exercícios previstos para cada disciplina.
 
Assessoria de Comunicação
Ministério da Cultura 

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

UNEB abre inscrições para cursos gratuitos na área de informática - BA

A Universidade do Estado da Bahia (Uneb) abrirá inscrições a partir do próximo dia 22 para os cursos profissionalizantes gratuitos do Programa Nacional de Apoio à Inclusão Digital nas Comunidades Telecentros.BR. Interessados que preenchem os pré-requisitos –  estejam cursando ou que já tenham concluído o ensino médio – podem se inscrever até dia 30 de janeiro de 2015 pelo site oficial da universidade. A iniciativa é fruto de um convênio entre a Uneb e o Ministério das Comunicações. Serão ofertados sete cursos, nível médio-técnico, na modalidade à distância: Programador de Sistemas, Operador de Computador, Gestão em Tecnologia da Informação, Técnico em Design de Web, Gestão da Comunicação e Responsabilidade Social, Comunicação Social e Cidadania Digital e Comunicação e Linguagens Midiáticas. O objetivo do curso é capacitar cidadãos brasileiros nas áreas de informática e comunicação. São, ao todo, 4,2 mil vagas para todo o país. O inscrito pode pleitear por apenas uma vaga em um dos cursos ofertados. 

FONTE: Bahia Notícias

domingo, 14 de dezembro de 2014

Cursos de qualificação gratuitos para beneficiários do Bolsa Família - BA

Beneficiários do Bolsa Família e do Benefício de Prestação Continuada (BPC) e seus dependentes em Salvador terão a chance de se qualificar profissionalmente de graça. A Secretaria Municipal de Promoção Social e Combate à Pobreza (Semps), por meio do Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), abriu 285 vagas para 15 cursos de formação profissional, com aulas marcadas para começar na segunda-feira. Ajudante de obra, encanador, instalador predial, pedreiro de alvenaria e programador de Web são alguns dos cursos oferecidos pelas instituições. Para se candidatar, o interessado precisa ter idade entre 15 e 59 anos. As pré-matrículas podem ser realizadas nos postos do Simm - Serviço de Intermediação de Mão de Obra no Comércio, Cabula, Boca do Rio e Cajazeiras. É necessário levar RG, CPF, comprovante de residência, cartão do Bolsa Família ou Número de Inscrição Social (NIS).

Fonte: site do Correio da Bahia

Abertura das inscrições para o curso de extensão “Introdução Crítica ao Direito das Mulheres"

Estão abertas as inscrições para a 1ª edição do curso de extensão “Introdução Crítica ao Direito das Mulheres”, ofertado na modalidade a distância, por meio de parceria entre o Centro de Educação a Distância da Universidade de Brasília (CEAD-UnB) e a Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República (SPM/PR). 
O curso terá duração de 4 meses compostos por 14 módulos temáticos de discussão. 
Ao todo, são ofertadas 500 vagas para todo o país, tendo como público-alvo estudantes de nível superior, gestoras(es) públicas(os) e militantes de movimentos sociais que atuam no enfrentamento à violência contra a mulher de todas as regiões do Brasil. 
Para realizar a inscrição o candidato deverá acessar o endereço http://moodle.cead.unb.br/danr/mod/book/view.php?id=4, clicar no menu “Inscrição” e, em seguida, no link disponível para a abertura do formulário de inscrição.
FONTE: Site do CEAD/UnB