Divulgando oportunidades educacionais desde 08.02.2008

Seguidores do Só Cursos Grátis


Pesquisa personalizada

Siga por email

.

sexta-feira, 29 de agosto de 2008

ICBA exibe documentários sobre trabalhadores da cana - BA

O Goethe-Institut Salvador-Bahia (ICBA) e a TVE Bahia apresentam, dentro do contexto da mostra "Imagens do Açúcar", os documentários:
Bagaço
Dir. Maria Luisa Mendonça e Thalles Gomes

O documentário mostra a realidade dos trabalhadores e trabalhadoras na indústria da cana em Pernambuco. Retrata o dia-a-dia do trabalho no corte da cana, as violações de direitos, a destruição ambiental e a inviabilidade de um modelo de produção baseado no latifúndio e na super exploração do trabalho.
Açúcar Negro (Black Sugar)
Canada, 1988. Documentário. Cores. Idiomas: inglês e francês, sem legendas
Dir. Michel Régnier

O premiado documentário lança um olhar chocante sobre as condições de vida e trabalho dos lavradores haitianos na República Dominicana. Cada ano, cerca de 20.000 bóias-frias atravessam a fronteira para cortar cana, atraídas pela promessa de lucro. Na realidade, eles trabalham até quatorze horas por dia, morando em acampamentos sujos, sem acesso a água encanada, eletricidade, saúde e educação.

Data: 02/09/2008 (terça-feira)
Horário: 20:00
Local: Goethe-Institut Salvador-Bahia (ICBA)
End.: Av. Sete de Setembro, 1809, Corredor da Vitória, Salvador-BA
Informações: 71 3338-4700 www.goethe.de/bahia

quarta-feira, 27 de agosto de 2008

CEAO debate "Negro(a) e Mídia" - BA

Dentro da programação de atividades do Projeto de Incentivo à Permanência de Estudantes Cotistas, o Centro de Estudos Afro-Orientais, da UFBA, exibirá o filme "A negação do Brasil", de joelzito Araújo, para provocar o debate sobre "Negro e Mídia". A atividade é aberta ao público e será realizada no dia 30 de agosto, das 9 às 13 horas, seguida de debate.

Tema: O(a) Negro(a) na Mídia
Filme: A negação do Brasil
Documentário - São Paulo, 2000, 90 min
Direção: Joel Zito Araújo

SINOPSE: O documentário é uma viagem da história da telenovela no Brasil e particularmente uma análise do papel nelas atribuído aos atores negros, que sempre representam personagens mais estereotipados e negativos. Baseado em suas memórias e em fortes evidências de pesquisas, o diretor aponta as influências das telenovelas nos processos de identidade étnica dos afrobrasileiros e faz um manifesto pela incorporação positiva do negro nas imagens televisivas do país.

ENDEREÇO: Praça General Inocêncio Galvão, 42, 2 de Julho, Centro, Salvador/BA, em frente ao Hotel Capri (prédio antigo verde e branco)

terça-feira, 26 de agosto de 2008

Professor da UFRJ fala sobre “Conflito Social e Água” no auditório do INGÁ - BA

Diálogo das Águas

A quinta edição da série de palestras “Diálogo das Águas” traz para o Auditório Paulo Jackson, do Instituto de Gestão das Águas e Clima (INGÁ), antiga Superintendência de Recursos Hídricos (SRH), o tema “Conflito Social e Água”. A explanação acontece nesta sexta-feira (29), às 15h, e será proferida pelo Doutor em Planejamento, Economia Pública e Organização do Território, Henri Acselrad, que é Professor Adjunto do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regional da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Na sua palestra, o professor UFRJ falará, entre outros temas, sobre a política que orienta a distribuição desigual dos danos ambientais, que não são consideradas pelos ambientalistas conservadores e nem pelos empresários ambientalizados, partidários da modernização ecológica. Para ele, “nenhuma referência é feita, por exemplo, à possibilidade de existir uma articulação entre degradação ambiental e injustiça social”.

Para participar, é necessário se inscrever gratuitamente pelo e-mail cerimonial@inga.ba.gov.br ou pelo número (71) 3116-3009, fornecendo o nome completo, instituição onde trabalha e/ou estuda, função e telefone. As vagas são limitadas.

Acselrad é mestre em Economia pela Université Paris 1 (Panthéon-Sorbonne) e tem experiência na área de Planejamento Urbano e Regional, atuando principalmente nos temas Modelos de desenvolvimento e conflitos ambientais, Ecologia política da sustentabilidade; Política e regulação ambiental, Apropriações sociais da sustentabilidade urbana, Movimentos sociais, desigualdade e Justiça Ambiental.

A série “Diálogo das Águas”, promovida pelo INGÁ, tem levado discussões sistemáticas sobre questões relacionadas aos recursos hídricos e ao meio ambiente, que refletem diretamente na vida das pessoas. Os eventos acontecem sempre na última sexta-feira de cada mês. Entre abril e dezembro deste ano, dez autoridades nessas questões se apresentam no Auditório Paulo Jackson, no bairro do Itaigara, em Salvador. Assim, eles estimulam que um público, formado por ambientalistas, representantes de ONGs e de órgãos públicos, acadêmicos e estudantes, contribuam para a sustentabilidade ambiental e para a gestão racional das águas.

26/08/08

Ascom INGÁ
Mais informações:

Letícia Belém/Cláudia Oliveira /Yordan Bosco
(71) 3116-3042/3215/3286/3024

CEAO(UFBA) debate "Negro e Mídia" - BA

Dentro da programação de atividades do Projeto de Incentivo à Permanência de Estudantes Cotistas, o Centro de Estudos Afro-Orientais, da UFBA, exibirá o filme "A negação do Brasil", de joelzito Araújo, para provocar o debate sobre "Negro e Mídia". A atividade é aberta ao público e será realizada no dia 30 de agosto, das 9 às 13 horas, seguida de debate.

Tema: O(a) Negro(a) na Mídia

Filme: A negação do Brasil

Documentário - São Paulo, 2000, 90 min

Direção: Joel Zito Araújo

SINOPSE: O documentário é uma viagem da história da telenovela no Brasil e particularmente uma análise do papel nelas atribuído aos atores negros, que sempre representam personagens mais estereotipados e negativos. Baseado em suas memórias e em fortes evidências de pesquisas, o diretor aponta as influências das telenovelas nos processos de identidade étnica dos afrobrasileiros e faz um manifesto pela incorporação positiva do negro nas imagens televisivas do país.


segunda-feira, 25 de agosto de 2008

FEPAE promove curso de Lingua Brasileira de Sinais - BA

O número de pessoas com surdez no Brasil é expressivo. Conforme os dados populacionais informados pelo IBGE/2000, há 5.750.809 pessoas com problemas relacionados à surdez.

Ainda, segundo os últimos números do Censo do IBGE (2000), em todo o Estado da Bahia somam-se 1.300.000 pessoas com deficiência, sendo 195.000 Deficientes Auditivos.

No momento, a Bahia conta com apenas 27 intérpretes chancelados pelo MEC, FENEIS e INES e 22 escolas (10 na capital e 12 no interior) com salas de apoio pedagógico ao surdo. A demanda no Estado hoje é de 20.614 escolas públicas à espera de professores e intérpretes habilitados na Língua Brasileira de Sinais.

OBJETIVOS DO CURSO:
Capacitar 120 profissionais e demais interessados, oriundos de 49 municípios da Bahia, em LIBRAS – Língua Brasileira de Sinais, oportunizando o preparo técnico para a melhoria no atendimento da demanda e cumprimento das exigências legais, em benefício às pessoas surdas e com deficiência auditiva.
Divulgar a língua e a cultura do surdo, através das aulas práticas e teóricas, estreitando a distância entre surdos e ouvintes, possibilitando uma efetiva comunicação entre os mesmos;
Possibilitar aos cursistas a compreensão das diferenças metodológicas no atendimento às necessidades especiais da pessoa surda e com deficiência auditiva, abrangendo os fatores ligados à patologia, à cognição, à afetividade, aos comportamentos e à socialização, aprofundando o conhecimento sobre a importância da qualidade nas intervenções e abordagens, com vista à melhoria do atendimento das políticas públicas.

METODOLOGIA DO CURSO:
As aulas serão presenciais, ministradas em duas turmas distintas, realizadas em 09 (nove) dias ininterruptos.
Em cada uma das turmas serão ministrados 02 (dois) módulos .

PÚBLICO ALVO: profissionais, graduandos e demais interessados das áreas de saúde, educação, justiça e assistência social.

CARGA HORÁRIA: 80 horas presenciais

CERTIFICAÇÃO: FEAPAE/BA, CORDE – Presidência da República e Acessibilidade Brasil.

NÚMERO DE VAGAS: 120

NÚMERO DE TURMAS: 02 (o aluno deverá fazer a opção por uma das turmas, conforme a data de realização).

CRITÉRIO DE SELEÇÃO: análise de curriculum vitae resumido.

LOCAL DO CURSO: Salvador/Bahia

DATA - TURMA I
15/08 a 23/08
Horário: 08 às 12:00 e 14 às 19:00 hs
Local do Curso: SESC Piatã

DATA - TURMA II
01/10 a 10/10
Horário: 08 às 12:00 e 14 às 19:00 hs
Local do Curso: SESC Piatã

Maiores Informações:
FEAPAE/BA

Rua Dr. José Peroba, n.º275, Ed. Metrópolis Empresarial, sala 1.206 – STIEP – Salvador – BA
Telefax: (71) 3272-3650 (71) 3272-3470
E-mail: feapaeba@yahoo.com.br
Site: www.apaebahia.org.br

domingo, 24 de agosto de 2008

Oficina de Informática, Gênero, Raça e Cidadania - BA

Início: 01 de setembro de 2008
Carga horária: 30 horas
Horário: 14 às 17 horas
Dias: segunda a quinta-feira
Local: Sede da entidade A Mulherada, Rua do Tesouro, 39, 1º andar
Telefones: 3326-7166 / 3321-5523 (Mônica Nascimento ou Ana Paula Cruz)

Projeto Livro Livre Salvador Fazendo o Povo Pensar no Iguatemi - BA

Criar e fortalecer o hábito da leitura. Este é o objetivo do Projeto Livro Livre Salvador Fazendo o Povo Pensar, que está aberto à participação popular de 25 a 30 de agosto na Praça Divaldo Franco do Shopping Center Iguatemi. Na programação, contação de histórias para crianças, literatura de cordel, orientação para conservação preventiva de documentos, criação de quadrinhos e mediação de leitura. Haverá também distribuição de livros às 11h30, às 15 e às 17h30. O projeto, criado em março deste ano pelo Núcleo de Extensão do Instituto de Ciência da Informação da UFBA (ICI), conta com a participação efetiva da Edufba.

No dia 25, o ICI será a instituição responsável pela programação, que terá a participação da Faculdade de Educação (Faced). Este projeto está em atividade desde sua criação na Praça do Campo Grande, onde os livros são deixados em bancos das praças, ônibus etc., sempre obedecendo ao lema “leia e passe adiante”. A iniciativa conta ainda com a participação da comunidade e agrega diversas instituições educacionais e ligadas à cultura e à leitura. Mais informações: marilene@ufba.br.


fonte:www.ufba.br

Encontro debate obra poética de Aimé Cesáire - BA

Uma das maiores vozes da luta contra o colonialismo, o poeta Aimé Césaire, será tema do encontro com a Prof.ª Doutora Lílian Preste, no dia 27/08 (quarta-feira), às 10h, na Sala dos Espelhos do Palácio Rio Branco (Praça Municipal). Com o tema “Dançando no Convés do Navio”, a pesquisadora francesa analisará a obra “Caderno de Um Retorno ao País Natal”, de Césaire, e fará comparações com as obras de três poetas românticos: Pierre Jean de Béranger, Heinrich Heine e Castro Alves. O encontro é promovido pela Fundação Pedro Calmon/Secult e integra a programação de preparação do Ano da França no Brasil, a ser realizado em 2009.

Doutora em Letras pela Universidade de Sorbonne (Paris), Lílian Preste de Almeida já traduziu e publicou diversos textos e livros sobre Aimé Césaire. É responsável também pela edição crítica do livro de Césaire Cahier d'un retour au pays natal (Caderno de Retorno ao País Natal) para a coleção Archivos. Na ocasião, a professora pretende fazer uma espécie de percurso comparativo de três poemas românticos e um contemporâneo, tendo como foco a “experiência traumatizante no navio negreiro”. Quanto ao Aimé Césaire, ela afirma que “é interessante notar como o poeta reescreve de maneira totalmente original uma dança sobre o convés de um navio negreiro”, ressalta. Entretanto, ainda não há uma tradução completa para o português do poema em que o autor descreve esta dança.

O Poeta – Nascido na ilha da Martinica, colônia francesa no Mar das Antilhas (América Central), Aimé Fernand David Césaire possui uma obra marcada pela defesa de suas raízes africanas. Pai do Movimento Negritude, manifestação política e literária criada nos anos 30 para combater o colonialismo e o racismo francês, Césaire definia-se como "fundamentalmente poeta, mas poeta comprometido" e "negro, negro, desde o fundo do céu imemorial". Possui vasta obra publicada nas áreas de teatro, ensaio e história. Faleceu aos 94 anos, em abril de 2008, e foi sepultado com honras de Estado, privilégio concedido até hoje na França apenas aos escritores Victor Hugo, Paul Valéry e Collette.

“Saudado de forma unânime por toda a classe política, Césaire é um poeta difícil de ‘digerir’, tanto no aspecto literário quanto no político. Apesar de pouco conhecido no Brasil, ele possui uma obra muito importante do ponto de vista político e ensaísta”, destaca a professora Lílian Preste.

Mais informações:

ASCOM Fundação Pedro Calmon: (71) 3116-6918 / 6676

segunda-feira, 18 de agosto de 2008

Exibição de filme sobre Mestre Bimba - RJ

Projeto Cinemativa Apresenta:

"Mestre Bimba - A Capoeira Iluminada"

Direção: Luiz Fernando Goulart

- Dia 20 de AGOSTO, ÀS 19H -


MESTRE BIMBA A Capoeira Iluminada, conta, através de depoimentos de antigos alunos e imagens inéditas em cinema, a história de Mestre Bimba, Manuel dos Reis Machado (1899 – 1974), que dedicou a vida a dar dignidade e luz à capoeira. De origem humilde, grande jogador de capoeira e, principalmente, um extraordinário educador, seu nome é a primeira referência do aluno de capoeira, em qualquer país que esteja. A ele são dedicadas milhares e milhares de músicas cantadas em todas as rodas de capoeira, nos cinco continentes.

MESTRE BIMBA – A Capoeira Iluminada, inspirado no livro MESTRE BIMBA – Corpo de Mandinga, de Muniz Sodré.

Logo após a exibição do filme, apresentação do Grupo Abada Capoeira, com os Mestres Nago, Baiano, Rabugento, Zagueiro e Todo Duro.
Imperdível!!!
Apresentação: Lisa Castro e Neide Diniz

Nosso encontro está marcado!

Quando? Dia 20 de agosto de 2008

Que horas? Às 19h

Onde? SESC Madureira - Rua Ewbanck da Câmara, 90 Madureira

Classificação etária: Livre

Informações e agendamento de grupos: Tel 3350-2676

Entrada gratuita

Apoio:
Lumen Produções Ltda
Coisa Nossa Comunicação e Produções
Caras do Brasil Produções
Preta Produções
Agradecimento:
Lumen Produções Ltda, pela autorização do filme.
Realização: Estimativa em parceria com SESC Madureira

Toda terceira 4ª-feira do Mês,
um filme para você!

Seminário "Literatura brasileira: reflexões sobre uma tradição excludente" - BA

SEMINÁRIO PERMANENTE COM PESQUISADORES BAIANOS

"Literatura brasileira: reflexões sobre uma tradição excludente"

Palestrantes:
Fabiana Lima (Doutoranda em Estudos Étnicos e Africanos do CEAO/UFBA)
Ana Rita Santiago da Silva (Doutoranda em Estudos Étnicos e Africanos do CEAO/UFBA)

Coordenadora:
Florentina da Silva Souza (Instituto de Letras-UFBA/CEAO)

Data: 21/08/2008
Horário: 16 horas
Endereço: Fundação Clemente Mariani, Rua Miguel Calmon, 398, Ed. Conde Pereira Marinho, Coércio, CEP 40.015-010, Salvador/BA

Inscrições e informações:
Tels: (71) 3243-2491 / 3243-2666
e-mail: academico@fcmariani.org.br

quinta-feira, 14 de agosto de 2008

Defesa de Monografia sobre Identidade de alunos(as) Negros - BA

(Clique na imagem para ampliá-la)

VI Seminário de Metodologia para Projetos de Extensão - SP

(Clique na imagem para ampliá-la)

OBJETIVOS


Os objetivos do SEMPE são:

• Discutir explicitamente questões de metodologia, técnicas e métodos específicos, usados, ou de possível uso, em projetos de extensão, com objetivos de investigação, ensino-aprendizagem e difusão de conhecimento.
• Sistematizar as metodologias utilizadas em experiências de extensão em vários campos do conhecimento e áreas sociais e tecnológicas.
• Contribuir para a fundamentação e desenvolvimento de metodologias interativas e participativas apropriadas e aplicáveis aos objetivos de projetos de extensão.
• Oferecer capacitação metodológica aos interessados no uso destas metodologias.
• Propiciar intercâmbio entre os usuários destas metodologias.

CHAMADA DE ARTIGOS E PROPOSTAS

O evento consistirá de palestras, mesas-redondas, oficinas e mini-cursos, além de sessões de comunicação oral para apresentação de artigos. Para todas essas atividades os interessados podem encaminhar propostas, que serão avaliadas e selecionadas por membros da comissão organizadora assessorados por revisores ad hoc. Será particularmente observada a pertinência metodológica das contribuições.

ALGUMAS METODOLOGIAS CONSIDERADAS

• Metodologias Participativas;
• Metodologia de pesquisa-ação;
• Metodologia de pesquisa participante;
• Metodologia de pesquisa comunicativa crítica;
• Metodologias participativas de diagnóstico, planejamento e avaliação;
• Metodologia de comunicação e interação;
• Métodos de moderação e trabalho em grupos;

DATA: 26 a 28 de agosto de 2008
LOCAL: Universidade Federal de São Carlos
MAIORES INFORMAÇÕES: http://www.proex.ufscar.br/sempe/index.html


Curso "Conversando com a sua História" - BA

O Centro de Memória da Bahia, da Fundação Pedro Calmon, promove o curso "Conversando com a sua História", no qual são analisados e debatidos diferentes temas da História da Bahia. Abertas à participação de todos, as palestras são ministradas por historiadores e pesquisadores.

AGOSTO
19 - "De um ponto a outro. Bahia e Prata (1850-1889)" - Cleide Lima Chaves
26 - "Pescadores e roceiros: escravos e forros em Itaparica na segunda metade do século XIX (1860-1888) - Wellington Castellucci Júnior

SETEMBRO
02 - "A capoeira baiana na Corte Imperial (1863-1890)" - Carlos Eugênio Líbano
09 - Quintais urbanos de Salvador: realidades, usos e vivências no século XIX" - Jan Maurício Oliveira Van Holthe
16 - "A seca na Bahia do século XIX: sociedade e política" - Graciela Rodrigues Gonçalves
23 - "Salvador multimagética: a imagem do bairro do Comércio construída através dos cartões postais (1890-1950)" - Márcia Maria Couto Mello
30 - "Padre Antônio Vieira, 400 anos" - Cláudio Veiga

OUTUBRO
07 - "De Juracy a Juracisinho" - Juracy Magalhães Neto
14 - "Lampião e o Cangaço" - Lamartine Lima
21 - "As vozes do samba de roda: música e narrativa" - Erivaldo Sales Nunes
28 - "Cuíca de Santo Amaro e a Literatura de Cordel" - João Augusto Rocha

Local: Palácio Rio Branco - Auditório (Praça Thomé de Souza)
Sempre às terças-feiras
Horário: 17 horas
Entrada gratuita

Promoção:
Fundação Pedro Calmon

quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Seminário "Cinema Negro em Discussão" - BA

(Clique nas imagens para ampliá-las)

Exposição registra herança africana na Bahia - BA

O que: Exposição Herança Africana no Universo Baiano - Um filá de liberdade
Quando: 15 de agosto a 14 de novembro de 2008
Onde: Museu Carlos Costa Pinto
Realização: Governo do Estado da Bahia / AProdução

Exposição registra herança africana na Bahia - BA

O que: Exposição Herança Africana no Universo Baiano - Um filá de liberdade
Quando: 15 de agosto a 14 de novembro de 2008
Onde: Museu Carlos Costa Pinto
Realização: Governo do Estado da Bahia / AProdução

Seminário "Um povo, uma luta, um destino" - BA

MARCUS GARVEY

16 de agosto de 2008
Hora: 15:00
Local: Biblioteca Betty Coelho
Rua Gustavo dos Santos Boca do Rio - Salvador-BA

Cidade: Salvador -
Entrada Franca
Participaçãoda Banda Kebra Nagast

segunda-feira, 11 de agosto de 2008

II Curso de Formação em Direitos das Pessoas com Deficiência e Gestão de Projetos - BA

Turma 2008 – Salvador/Bahia

A Associação Vida Brasil é uma Organização Não-Governamental (ONG) com atuação em Salvador e Fortaleza, duas capitais do Nordeste brasileiro com alto índice de exclusão socioeconômica. Fundada em 1996, atua na área de direitos humanos e educação para a cidadania e sua missão é valorizar e fortalecer, por meio da educação e da participação, indivíduos e grupos socialmente vulneráveis e excluídos, contribuindo para a construção de uma sociedade sustentável, inclusiva e democrática. O II Curso de Formação em Direitos das Pessoas com Deficiência e Gestão de Projetos faz parte do Programa de Acessibilidade da Vida Brasil em Salvador e Fortaleza, e tem como uma de suas principais estratégias o fortalecimento institucional das associações da área da deficiência e a capacitação de seus representantes.

Objetivo do Curso: Contribuir para o fortalecimento institucional das organizações através do reforço das suas capacidades teóricas e práticas de intervenção, incluindo a possibilidade de elaboração e realização de projetos.

Temáticas gerais: Cidadania e Participação; Políticas Públicas e Controle Social; Direitos Humanos; Direitos das Pessoas com Deficiência; Acessibilidade; Mecanismos de Participação; Gestão e Elaboração de Projetos.

Carga Horária: O curso possui carga horária total de 100 horas, distribuídas em cinco oficinas, durante os meses de setembro a novembro de 2008.

Requisitos: para participar da seleção os/as candidatos/as deverão ser indicados por Associação ou Movimento Social.

Perfil desejado da Associação/Movimento Social que indica o/a candidato/a:

· Atuar preferencialmente em Salvador e região metropolitana;
· Atuar com temáticas relacionadas às pessoas com deficiência e/ou aos direitos humanos de grupos vulneráveis na sua cidade ou comunidade;
· Ter interesse em desenvolver projetos de promoção da acessibilidade e/ou dos direitos das pessoas com deficiência.

Perfil desejado do/a candidato/a indicado/a pela Associação/Movimento Social:

  • Fazer parte de Associação/Movimento que atue na área da deficiência e/ou de direitos humanos;
  • Ser indicado pela Associação/Movimento que faz parte;
  • Ser preferencialmente pessoa com deficiência;
  • Possuir capacidade de articulação, multiplicação de conhecimentos e de trabalho em grupo;
  • Atuar ou possuir interesse na redação de projetos e nas temáticas relacionadas às pessoas com deficiência e/ou direitos humanos na sua entidade, cidade ou comunidade;
  • Resida na Bahia, preferencialmente em Salvador ou região metropolitana.

Abertura do Edital: 1º de agosto de 2008.

Encerramento do Edital: 22 de agosto de 2008.

Resultado da seleção: última semana de agosto de 2008.

Documentos necessários para participação na seleção:

  • Ficha de Inscrição (em anexo) devidamente preenchida.
  • Cópia do documento de identidade, CPF e comprovante de residência.

Entrega dos documentos até 22 de agosto:

  • Pelo correio, para a sede da Vida Brasil, no endereço: Rua da Mouraria, nº74, Nazaré, CEP: 40.040-090, Salvador-Bahia.
  • Por e-mail:cursovidabrasil@gmail.com
  • Pessoalmente na Vida Brasil, de segunda a sexta, das 09:30h às 17:30h.

Se enviados pelo correio, será considerada como data de entrega 22 de agosto, data limite da postagem. As inscrições recebidas pela Vida Brasil por e-mail receberão confirmação de recebimento; caso não aconteça, sugerimos aos candidatos que entrem em contato com a Vida Brasil por telefone.

Processo seletivo:

· Análise da ficha de inscrição e da documentação.
· Entrevista com o/a candidato/a, somente se necessário. Se for o caso, serão realizadas em data e horário a serem comunicados ao/à candidato/a.

Observações:

  • As associações/Movimentos poderão indicar para a seleção o número de representantes que considerem atender aos requisitos do Edital. Deverá ser preenchida uma ficha para cada representante, pois as fichas são individuais.
  • Serão selecionados/as 20 participantes.
  • Todos/as os/as candidatos/as serão comunicados individualmente sobre o resultado da seleção.
  • O curso é gratuito, incluindo material didático. Para os/as candidatos/as que solicitarem e comprovarem necessidade haverá apoio financeiro que poderá cobrir despesas com transporte, alimentação e hospedagem. Esse apoio financeiro é limitado e a solicitação deverá ser feita pelo/a candidato/a na Ficha de Inscrição, no local correspondente.
  • Este Edital, juntamente com a Ficha de Inscrição, encontra-se disponível no portal eletrônico http://www.vidabrasil.org.br, em formato “doc” e “txt”, e ainda na sede da Vida Brasil, em formato impresso A4, A3 (ampliado) e em CD.
  • O processo de seleção é interno à Vida Brasil e não caberão recursos em relação ao resultado da seleção.

Salvador, 1º de agosto de 2008

domingo, 10 de agosto de 2008

IV Ciclo de Debates sobre Políticas Culturais - BA

Em tempo de eleições municipais, o Centro de Estudos Multidisciplinares em Cultura (CULT) e o Programa Multidisciplinar de Pós-Graduação em Cultura e Sociedade (PÓS-CULTURA) , em parceria com o Conselho Estadual de Cultura (CEC) e a Associação de Professores Universitários da Bahia (APUB) trazem ao debate público as políticas culturais para as cidades. De 11 a 14 de agosto, no auditório do CEC, estudiosos da cultura das mais diversas áreas, gestores culturais e artistas se reúnem no IV Ciclo de Debates sobre Políticas Culturais. Em quatro noites e uma tarde, acontecem cinco mesas-redondas temáticas: A cidade como Fenômeno Cultural na Contemporaneidade; Cidade e Patrimônios Culturais; Políticas Culturais para as Cidades; Políticas Urbanas e Cultura; e Diversidade e Culturas Urbanas. O IV Ciclo é aberto ao público (inscrições encerradas!). Informações podem ser obtidas através dos telefones 3283-6198 (CULT) e 3117-6190 (CEC).

O que: IV Ciclo de Debates sobre Políticas Culturais: Políticas Culturais para as Cidades.
Quando: 11 a 14 de agosto de 2008 – 18h30 às 21h30 e 13 de agosto de 2008 – 14h às 17h.
Onde: Auditório do Conselho Estadual de Cultura – Anexo ao Palácio da Aclamação, na Avenida Sete de Setembro, nº 1330, Salvador-BA.
Informações: 3283-6198 (CULT) e 3117-6190 (CEC)


Programação:

Dia 11 de agosto de 2008
A Cidade como Fenômeno Cultural na Contemporaneidade
Ana Fernandes (Conselho Estadual de Cultura)
Ângelo Serpa (UFBA)
Leonardo Boccia (PÓS-CULTURA - UFBA)
Ubiratan Castro (Fundação Pedro Calmon)
*dois outros nomes ainda serão confirmados

Dia 12 de agosto de 2008
Cidade e Patrimônio Cultural
Eugênio Lins (UFBA)
Frederico Mendonça (IPAC)
Pasqualino Magnavita (Conselho Estadual de Cultura)
Valdina Pinto (Conselho Estadual de Cultura)
*dois outros nomes ainda serão confirmados

Dia 13 de agosto de 2008 (tarde)
Políticas Culturais para as Cidades
Antonio Albino Canelas Rubim (UFBA – Conselho Estadual de Cultura)
Paulo Costa Lima (UFBA – FGM – CEC)
Paulo Miguez (UFRB)
Paulo Ormindo David de Azevedo (IAB)
*dois outros nomes ainda serão confirmados

Dia 13 de agosto de 2008
Políticas Urbanas e Cultura
Gey Espinheira (UFBA)
Lia Robatto (Conselho Estadual de Cultura)
Paulo Henrique de Almeida (SECULT)
*três outros nomes ainda serão confirmados

Dia 14 de agosto de 2008
Diversidade e Culturas Urbanas
Ana Célia (UNEB)
Antonio Jorge Victor dos Santos Godi (UEFS)
Eneida Leal Cunha (UFBA) – a confirmar
José Carlos Capinam (Conselho Estadual de Cultura) – a confirmar
Maria Eugênia Millet (CRIA)
Paola Jacques (UFBA)

Modos de funcionamento das mesas
Exposições: 60 minutos
Cada expositor tem 10 minutos para sua intervenção
Após as exposições, são abertos os debates
Debates: 120 minutos

sexta-feira, 8 de agosto de 2008

CEAO convida estudantes para Mostra de Cinema da Diáspora - BA

O Centro de Estudos Afro-Orientais (CEAO-UFBA) convida estudantes de nível médio da rede pública de ensino para a Mostra de Cinema da Diáspora, uma atividade conjunta com estudantes da UFBA, no âmbito da segunda etapa do Projeto de Incentivo à Permanência de Estudantes Cotistas. As atividades serão realizadas aos sábados, de agosto a outubro de 2008, no Auditório Milton Santos (prédio da Biblioteca do CEAO). Serão disponibilizadas 20(vinte) vagas.

Data: Sábados, dias 16/08, 30/08, 13/09, 27/09, 11/10
Horário: 9:00 às 13:00 (Exibição seguida de debate)

* * * * * PROGRAMAÇÃO * * * * *

16/08/08

§ Tema: Racismo e Ações Afirmativas
§ Filme: Café com leite: água e azeite?
§ Documentário – São Paulo, 30 min., 2007
§ Direção, produção, roteiro: Guiomar Ramos
§ Co-produção: Tatu Filmes
§ Edição: Márcio Perez

SINOPSE: "Café com leite" apresenta uma reflexão sobre o Mito da Democracia Racial no Brasil através de depoimentos dos professores da FFLCH-USP, Antonio Sérgio Guimarães, Kabengelê Munanga, a diretora do Geledés, Sueli Carneiro e o antropólogo Batista Félix. Alunos da pós-graduação da FFLCH como Márcio Macedo e Uvanderson da Silva também participam do debate. Os cineastas Jeferson De, Noel Carvalho e a atriz Zezé Motta traçam comentários sobre a Democracia Racial. O documentário apresenta ainda trechos de filmes adaptados da obra de Jorge Amado, como "Jubiabá" e "Tenda dos Milagres", de Nelson Pereira dos Santos e "Assalto ao trem pagador" de Roberto Farias e também imagens da luta do negro no Brasil através do arquivo de Abdias do Nascimento.

30/08/08

§ Tema: O(a) Negro(a) na Mídia
§ Filme: A negação do Brasil
§ Documentário - São Paulo, 2000, 90 min
§ Direção: Joel Zito Araújo

SINOPSE: O documentário é uma viagem da história da telenovela no Brasil e particularmente uma análise do papel nelas atribuído aos atores negros, que sempre representam personagens mais estereotipados e negativos. Baseado em suas memórias e em fortes evidências de pesquisas, o diretor aponta as influências das telenovelas nos processos de identidade étnica dos afrobrasileiros e faz um manifesto pela incorporação positiva do negro nas imagens televisivas do país.

13/09/08

§ Tema: Negro(a) e Ciência
§ Filme: Quase Deuses
§ Longa Metragem - 110 minutos, 2006
§ Direção: Joseph Sargent

Sinopse: Quase Deuses conta a história verdadeira e emocionante de dois homens que desafiaram as regras em sua época para iniciar uma revolução médica. Na Baltimore dos anos 40, o Dr. Alfred Blalock (Alan Rickman, de Harry Potter e o Cálice de Fogo) e o técnico de laboratório Vivien Thomas (Mos Def, de Uma Saída de Mestre) realizam cirurgias cardíacas usando uma técnica sem precedentes, atuando como equipe de uma maneira impressionante. Mas ao mesmo tempo em que travam uma corrida contra o tempo para salvarem a vida de um bebê, ambos ocupam diferentes condições sociais na cidade. Blalock é o saudável homem branco que comanda o Departamento Cirúrgico do Hospital Johns Hopkins; Thomas é negro e pobre, um habilidoso carpinteiro. Quando Blalock e Thomas desbravam um novo campo na medicina, salvando milhares de vidas graças ao processo, as pressões sociais ameaçam minar sua parceria e por um fim à amizade que nasceu entre eles.

27/09/08

§ Tema: Relacionamentos Interraciais
§ Filme: Adivinhem quem vem para jantar?
§ Longa Metragem - 1967, 108 minutos
§ Direção: Stanley Kramer

Sinopse: Joanna (Katherine Houghton), a bela filha de um editor liberal, Matthew Drayton (Spencer Tracy), e sua esposa aristocrata Cristina (Katherine Hepburn), retorna para casa com seu novo namorado John Prentice (Sidney Poitier), um ilustre médico negro. Cristina aceita a decisão da filha de se casar com John, mas seu pai está chocado com essa união inter-racial; bem como os pais do médico. Para acertar as coisas, ambas as famílias devem sentar-se frente a frente e examinar os seus níveis de intolerância. Neste filme, o diretor Stanley Kramer criou um estudo magistral dos preconceitos sociais.

11/10/08

§ Tema: Ativismo Negro
§ Filme: Malcom X
§ Longa Metragem
§ Direção: Spike Lee - 1992, 202 minutos

Sinopse: O carismático líder Malcolm X (Denzel Washington), que durante sua adolescência descobriu o islamismo, teve seu pai assassinado por membros da Klu Klux Klan. Ele se torna um fervoroso religioso, criando um movimento de pacificação entre as raças. A luta pelos direitos dos negros tornou Malcom X um dos mais importantes líderes afro-americanos da história. Indicado ao Oscar por Melhor Ator e Melhor Figurino.

quinta-feira, 7 de agosto de 2008

Inscrições abertas para o mestrado do INPI - RJ

Estão abertas até o dia 31 de agosto as inscrições para o Mestrado Profissional em Propriedade Intelectual e Inovação do Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI)

O curso é gratuito e poderão concorrer às 25 vagas portadores de diploma de graduação em qualquer área de conhecimento. As inscrições podem ser feitas pela Internet. Para mais informações, consulte o site http://www.inpi.gov.br

O curso foi o primeiro em instituições de propriedade industrial na América do Sul e apresenta caráter multidisciplinar, com professores e alunos de diversas instituições públicas e privadas ligadas ao desenvolvimento.

Por estar ligado à instituição responsável pela propriedade industrial no Brasil, o mestrado aproveita a experiência prática do INPI e o acesso a bases de informação mundiais sobre o tema. Este foco na geração de riquezas se reflete nas linhas de pesquisa do curso: globalização e regionalização: modelos de proteção à propriedade intelectual e seu papel no desenvolvimento; políticas setoriais e campos emergentes; e propriedade intelectual, tecnologia, sociedade e empresas brasileiras.

O caráter multidisciplinar ganha força com o perfil diversificado de professores e alunos. Entre os docentes, destacam-se profissionais de instituições como a Fundação Getúlio Vargas (FGV), a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e a Organização Mundial da Propriedade Intelectual (OMPI), além de servidores do próprio INPI.

A infra-estrutura do INPI também é um diferencial do curso. É possível ter acesso a uma biblioteca especializada e a salas com computadores para aulas práticas. Todas as aulas do curso são realizadas no Centro de Treinamento do Instituto, localizado no Centro do Rio.

quarta-feira, 6 de agosto de 2008

UnB oferece curso "Pensamento Negro Contemporâneo" - DF

O Núcleo de Promoção da Igualdade Racial da Universidade de Brasíliaoferecerá no 2º semestre de 2008 a 2º edição do curso de extensão PENSAMENTO NEGRO CONTEMPORÂNEO. A proposta do Curso é apresentar atemática étnico-racial brasileira e da diáspora africana tendo com oreferência bibliografias de intelectuais negros. O Curso totaliza 60hse é gratuito. Período de inscrição: 4 à 15 de agosto de 2008.Pré-requisito: 2º grau completo Turma A: Sexta-Feira, das 8 às 12hs- 10 vagas Turma B: Sexta-Feira, das 14 às 18hs - 10 vagas Turma C:Sexta-Feira, das 19 às 22hs - 10 vagas Turma F: Segunda-Feira, das 8às 12hs - 20 vagas Informações: Núcleo de Promoção da IgualdadeRacial/DEX/UnB igualdaderacial@unb.br 3307-2610 Ramais 24/25http://www.igualdaderacial.unb.br/paginas/ofertadecurso.html

terça-feira, 5 de agosto de 2008

"Starting Grants" - Bolsas na Europa para jovens doutorados

O "Starting Grants" é um programa do European Research Council (ERC) que oferece bolsas para jovens pesquisadores (doutorado obtido há mais de 3 anos e menos de 8 anos), de qualquer nacionalidade.

O edital está dotado de 300.000.000 Euros (entre 500.000 e 1.000.000 de Euros para cada candidato premiado para a realização da sua pesquisa num laboratório europeu durante 5 anos).

Agradeço a difusão dessa informação às pessoas que podem ser interessadas.

Cordialmente,

Antoine Humbert
Assessor para a Cooperação Científica, Tecnológica e Universitária
Consulado Geral da França em São Paulo
Av. Paulista, 1842, 14ºAndar
01310-923 São Paulo , SP, Brasil
Tel: (11) 3371-5433
Fax: (11) 3371-5408
E-mail:
antoine.consulatfra ncesp@gmail. com

COMUNIDADE FRANÇA-BRASIL==> www.comunidadefb. com.br <==PARTICIPE!

Curso de Metodologia de Pesquisa em Saúde da População Negra - SP

Sabemos que exitem diferenças no processo cuidado, saúde doença e morte entre brancos e negros. Porque estas diferenças??? Por que a população negra tem menor acesso a serviços de saúde? Por que merecem menor cuidado???
Escreva uma proposta e encaminhe para o NEPO/Unicamp - pois entre os dias 17 e 28 de novembro realizaremos o I Curso de Metodologia de Pesquisa da Saúde da População Negra do Estado de São Paulo.
O curso Metodologia de Pesquisa em Saúde da População Negra vai lhe ajudar a sistematizar estas informações.
Ver folder anexo, ou site www.saude.sp.gov.br
Você que tem sua atuação no campo da saúde da população negra, saúde reprodutiva, pode identificar um tema que seja de interesse de sua ONG, ou do trabalho que você realizou no projeto do CRT DST/Aids;
você que tem dados ou informações em sua instituição e que quer sistematizar estas informações, banco de dados ou trabalho realizado;
você que fez um levantamento de casos, coletou dados, realizou um trabalho, fez entrevistas...... e agora quer transformar este material em projeto de pesquisa, artigo ou algo semelhante.
O curso Metodologia de Pesquisa em Saúde da População Negra do estado de São Paulo vai lhe ajudar a sistematizar estas informações.
Escreva uma proposta e encaminhe para o NEPO/Unicamp.
Ver folder anexo, ou site www.saude.sp.gov.br
ETAPAS
1.Envie sua proposta.
2. Se a sua proposta for selecionada, você receberá correspondência do NEPO/Unicamp.
3. Depois disso você tem até dia 30 de setembro para enviar ao NEPO uma carta de sua chefia que autorize você a realizar o curso. É uma carta com o aceite de sua instituição - sua instituição vai ter que autorizar que você fique 15 dias em Campinas fazendo o curso.
4. Chegar em Campinas/SP - em sendo selecionada e carta encaminhada. Você terá que chegar em Campinas - hotel que será comunicado posteriormente - seu deslocamento até Campinas será pago por você ou por sua instituição.
Depois que você chegar no hotel, todas as despesas de alimentação e hospedagem serão cobertas/pagas pela Secretaria da Saúde.
É a Secretaria de Saúde quem vai pagar todas as despezas de almoço, jantar e estadia enquanto você estiver fazendo o curso.
A Secretaria não paga a viagem para Campinas nem sua viagem de volta a sua cidade de origem.
5.O curso será realizado de 17 a 28 de novembro em Campinas - Auditório do NEPO/Unicamp.
6. Feito o curso, você terá um tempo (15 dias) para entregar o trabalho final.
7. Se o tabalho for avaliado positivamente, você recebe o Certificado.
ENVIE SUA PROPOSTA/PROJETO.
Por favor, divulgue.
Abraços,
Luis Eduardo Batista
Elisangela Queiroz
GTAE - Área Técnica Saúde da População Negra
Secretaria Estadual de Saúde de São Paulo

sexta-feira, 1 de agosto de 2008

Cronograma das aulas públicas do Programa Fábrica de Idéias - BA

O curso avançado em estudos étnico-raciais Fábrica de Idéias, iniciado em julho de 1998, é o resultado de uma iniciativa pioneira no âmbito das instituições universitárias brasileiras, cujo objetivo é fomentar tanto o intercâmbio de professores e alunos da pós-graduação interessados na temática dos estudos étnico-raciais e na interface com os estudos africanos, quanto favorecer à incorporação de uma dimensão comparativa e internacional.

O primeiro curso Fábrica de Idéias ocorreu em julho de 1998, no CEAA (Centro de Estudos Afro-Asiáticos), da Universidade Candido Mendes, no Rio de Janeiro. Já na primeira edição do curso ficamos entusiasmados com o número de candidatos (70 inscritos) interessados em participar da Fábrica de Idéias; ao longo destes anos a demanda tem crescido significativamente, nas últimas edições do curso temos cerca de 300 inscritos para o preenchimento de 30 a 35 vagas.

O curso Fábrica de Idéias tem quatro semanas de duração (40 horas semanais) e ocorre entre os meses de julho e/ou agosto de cada ano. Os alunos recebem passagem, hospedagem, alimentação e a uma cópia de todos os textos indicados nas bibliografias de cada módulo. A carga de leitura é de 300 páginas por módulo, perfazendo um total de 1.500 páginas.

Os professores da Fábrica de Idéias, além de ministrar aulas, auxiliam os alunos nos projetos de pesquisa. Às vezes, a partir destes contatos, alguns dos alunos despertam interesses em realizar parte dos estudos em outras instituições no Brasil ou no exterior, enquanto outros mantêm contato com os professores do curso durante a realização de suas pesquisas, ou seja, a experiência da Fábrica de Idéias muitas vezes se amplia para além do contato inicial.

Em 2002, na sua quinta edição, o curso Fábrica de Idéias transferiu-se do CEAA/UCAM, Rio de Janeiro, para o CEAO/UFBA, Bahia.

Desde o início o curso sempre cotou com a presença de alunos estrangeiros e, a partir de 2003, tornou-se internacional, graças ao anúncio em inglês e português na homepage do programa SEPHIS e à circulação do concurso veiculado na África pelo CODESRIA de Dakar.

Ainda que não explicitado no edital, o curso Fábrica de Idéias sempre manteve uma atenção especial aos candidatos negros e aos pós-graduandos residentes nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste. Essa experiência tem nos ensinado que a excelência e democracia acadêmica podem e devem caminhar pari passu.

É grande a presença feminina no curso. As mulheres representam em média (62,1%), enquanto os homens(37.9%) na primeira turma. Essa predominância de mulheres negras no curso tem sido uma constante e, embora tenhamos observado um aumento no número de homens inscritos e selecionados a presença feminina ainda é majoritária.

O curso Fábrica de Idéias tem sido reconhecido como experiência única no mundo acadêmico, no sentido de sua contribuição ao debate, em nível de pós-graduação e a formação de redes entre docentes e estudantes das mais variadas regiões e países do mundo, principalmente, entre os países da América Latina e da África.

Ao longo desses dez anos tivemos 281 alunos, dos quais 80% são brasileiros e alguns estrangeiros residentes no país e 20% de alunos estrangeiros de diversas regiões do mundo. Com relação aos alunos estrangeiros, a maioria deles (25%) é colombianos, seguidos dos cubanos (15,4%) e equatorianos (9,6%). Do continente africano vieram (13,5%) dos estudantes estrangeiros.

O curso Fábrica de Idéias tem se constituído como uma experiência ímpar no sentido de contribuir para a formação e intercâmbio de pesquisadores de diferentes regiões e países, e porque não dizer que a Fábrica de Idéias é também o lugar de encontro dos várias línguas e sotaques.

EQUIPE:

Coordenadora do Curso Fábrica de Idéias:
Angela Figueiredo

Coordenador do Programa Fábrica de Idéias:
Livio Sansone

Assistente do Programa:
Núbia dos Reis Pinto

Professores associados:
Maria do Rosário de Carvalho
Paula Cristina da Silva
Ramon Grosfoguel

APOIO: CAPES, CNPq, Sephis Program e Fundação Ford.

AULAS PÚBLICAS DO PROGRAMA FÁBRICA DE IDÉIAS

EDIÇÃO 2008

PALESTRA

DATA

HORÁRIO

LOCAL

Conferência “Conflitos da Cidadania Afro-americana”

Profa. Ângela Davis

04/08

14 às 17 h

Instituto Anísio Teixeira (IAT)

Paralela

“Dilemas da cidadania afro-americana nos EUA”

Profa. Ângela Davis

06/08

18:30

Reitoria da UFBA

“Feminismo negro no Brasil”

Profa. Kia Lily Caldwell

08/08

18:30

CEAO

“Direitos Humanos, Multiculturalismo e Descolonização”

Prof. Boaventura Souza Santos

13/08

18:30

Reitoria da UFBA

“Metamorfoses da cidadania africana”

Prof. Severino Ngoenha

22/08

18:30

CEAO

“Globalização, Exclusão e Cidadania”

27/08

18:30

CEAO